Como direcionar o pensamento do paciente para a cura, e não para a doença?

O câncer é uma doença muito temida, principalmente por conta de sua agressividade e pelas dificuldades no tratamento. Uma coisa é certa: encará-lo de uma forma otimista não é fácil.

  • Contudo, essa atitude deve ser exercitada sempre.

Um levantamento realizado pelo Oncoguia no ano de 2013 descobriu que apenas 30% das pessoas que receberam o diagnóstico da doença adotaram uma posição de otimismo, se apegando a pensamentos que as faziam bem, como , a crença na cura e a vontade de mostrar superação. Isso significa que 70% das pessoas tiveram pensamentos negativos, ou se mostraram pouco esperançosas.

Muitas vezes, sua família e seus amigos são os responsáveis por manter a positividade nesse momento delicado. Trabalhe diariamente para guiar o pensamento para a cura, suas chances de vencer, e não para a doença e os efeitos do tratamento.


Tire o melhor das situações

O tratamento pode causar algumas mudanças como ganho ou perda de peso, queda de cabelo, etc. Apesar de temporários, esses efeitos são sempre muito incômodos.

Esta pode ser uma boa oportunidade para experimentar: use perucas de outras cores, que tal um look novo (loiro, moreno ou ruivo)?


Estreitar laços

Pessoas que você conhecer no hospital e clínica podem virar amigos muito próximos, incluindo outros pacientes, voluntários, profissionais da equipe médica e mesmo familiares de outros pacientes.
Enfim, conhecer a seriedade da doença, mas encará-la como mais um obstáculo a ser vencido não é somente importante, mas é fator essencial para a cura

Acredite!

http://www.kimeo.com.br/wp-content/uploads/2017/03/como-direcionar-o-pensamento-do-paciente-para-a-cura-e-n%C3%A3o-para-a-doen%C3%A7a.jpg

Saiba mais

Como ajudar outras pessoas durante o meu tratamento e após a... p {padding-bottom: 2%;} Diferentes pessoas têm diferentes reações após o diagnóstico do câncer. Mas o que deve ser comum a todas é o otimismo e a esperança, enquanto ainda exist...
Como motivar o paciente durante o tratamento? p {padding-bottom: 2%;} O diagnóstico do câncer, muitas vezes, devasta o psicológico do paciente e de sua família. É comum que muitos percam a fé, a vontade de viver e se sintam...
O que fazer quando as chances de cura são pequenas? p {padding-bottom: 2%;} Receber o diagnóstico não é (nada!) fácil. Mas, saber que as chances de cura são pequenas pode ser devastador. Desapontamento, desesperança, até desesper...
Entenda como funcionam os grupos de apoio Participar de grupos e instituições de apoio pode ajudar muito durante o tratamento, principalmente no começo, logo após o diagnóstico, pois é a fase em que o paciente tem mais dúv...

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *